wordpress stat
Receita de Besan Laddu (Bolos de farinha de grão-de-bico tostados típicos da índia)

Cheguei à Índia

012

Se não tens apetite, não culpes o teu alimento
Rabindranath Tagore





022

Besan Laddu (Bolos de farinha de grão-de-bico tostados típicos da índia)

Para aproximadamente 36 unidades de uns 12 g:

125 g de ghee (manteiga clarificada)
5 g de coco ralado
12 g de avelãs tostadas e trituradas
1 /2 colher de café de cardamomo moído
137.5 g de açúcar em pó
200 g de farinha de grão-de-bico

Derreter a manteiga em lume brando.
Misturar a farinha de grão-de-bico e mexer constantemente até que a farinha esteja tostada (uns 15 minutos).
Juntar o coco ralado, as avelãs e o cardamomo e deixar ao lume uns minutos mais, mexendo bem.
Retirar do lume e juntar o açúcar em pó.
Desfazer os grumos que se tenham formado com um garfo.
Deixar arrefecer uns minutos.
Moldar pequenas bolas ou quadrados com as mãos molhadas.

Cobertura de côco (não faz parte da receita)
60 g de côco ralado
20 g de açúcar de cana
10 g de manteiga

Levar o açúcar ao lume até que se derreta, mexendo constantemente.
Juntar a manteiga e por fim o côco ralado.
Cobrir os doces.

Para clarificar manteiga basta pô-la em banho maria, sem mexer e ir retirando toda a espuma branca que se forma à superfície até que a manteiga esteja completamente limpa.

031




Comentários

36 Comentários to “Receita de Besan Laddu (Bolos de farinha de grão-de-bico tostados típicos da índia)”

  1. irina em 6 Maio, 2009

    Este site melhora de dia para dia… que internacional!
    Fantásticas as receitas!

  2. Mão na Massa em 6 Maio, 2009

    Olá Leonor!

    Nunca tinha ouvido falar disso, mas paracem ser muito bons! E levam avelãs, eu adooro avelãs! Mais uma receita fantástica! :D

    Beijinhos =)

  3. Luciana Macêdo em 6 Maio, 2009

    Esta volta por países tão interessantes, apresentando delícias de suas cozinhas está me deixando encantada, e na espectativa do próximo post.
    A vontade é experimentar todas estas delícias.
    Bjs!

  4. Moira em 6 Maio, 2009

    Olá Leonor,
    Nunca provei doces indianos, mas deve ser muito bom, pelo menos pela lista de ingredientes. Noutro dia quando deitei fora a farinha integral com bichinhos, a de grão estava igual, tive que fazer uma limpeza geral á despensa, daqui a pouco tinha lá um jardim zoológico ;)
    Beijocas
    Manuela

  5. Ameixa Seca em 7 Maio, 2009

    Eu devo ter uma costela indiana, grão de bico e coco na mesma receita é uma maravilha. Ainda por cima com o aroma do cardamomo… espantoso :)

  6. Gasparzinha em 7 Maio, 2009

    Leonor, este blog anda mesmo muito viajado…
    Ainda ontem saboreávamos as delícias do mundo helénico e agora já estamos na Índia! :)

    Nunca tinha ouvido falar, mas nem que fosse por isso, já me dá vontade de provar.
    A verdade é que acho a conjugação de ingredientes uma proposta bem aliciante, pelo que não tenho como evitar – terei que fazer!

    Mais uma vez, obrigada por levares ainda mais longe as vontades, os sabores e os desejos de descobrir coisas novas na cozinha.

  7. Claudia Lima em 7 Maio, 2009

    Eu não sou apreciadora da Culinária Indiana, mas não me importaria de provar este docinho. O toque do côco por cima ficou muito original!
    Bjs :)

  8. Mari em 7 Maio, 2009

    Minha querida, que fotos mais lindas!! Este docinho, típico da Índia, parece fantástico…. eu não o conhecia, e fiquei morrendo de vontade para experimentar… creio que se eu morasse perto de você, não sairia dai, e meu regime estaria seríssimamente comprometido… risos.
    Beijo grande!!!

  9. Odete em 7 Maio, 2009

    Leonor, fico encantada com suas receitas sempre tao criativas. E as fotos que me fazem comer com os olhos. Lindas!!!
    Ainda vou experimentar esse docinho, pois gosto muito de coisas feitas com farinha de garbanzos.

    Bjs

  10. Ivana em 7 Maio, 2009

    Me encantan tus recetas y las fotos ni te cuento!!
    Es una delicia pasearse por aqui!
    besitos

  11. Léia Silva em 7 Maio, 2009

    Inspirador, diferente, delicioso… hummmm, adorei!

  12. mi em 7 Maio, 2009

    estes bolos indianos devem ser deliciosos, fiquei a salivar!

    aliás, todas as sobremesas deste blog devem ser fantásticas e as fotografias têm uma qualidade inigualável!

    muitos parabéns, o vosso trabalho é excelente!!!

  13. Filipa em 7 Maio, 2009

    Não conhecia este doce mas parece delicioso. Tem-nos surpreendido com receitas tão diferentes e saborosas. Realmente passar pelo seu cantinho é uma verdadeira aventura. Ficamos sempre surpreendidos e com um sorriso nos lábios. Beijinhos

  14. Nathalie Carvalho em 7 Maio, 2009

    Com estas receitas fantásticas, é inevitável viajar pelo mundo através dos sabores!!! E ainda dizem que os olhos não comem, pois não!!! Só de olhar para essas fotografias fantásticas, engorda-se!!!! ;)
    Obrigada pelas receitas deliciosas!
    Nathalie

  15. Vânia em 7 Maio, 2009

    Nunca experimentei tal doce. Mas deduzo que, como tudo o que fazes, deva estar delicioso!
    Muito exótico, sim sra =)

    Um beijinho*

  16. Jose Nogueira em 7 Maio, 2009

    Só 5 gramas de côco????

  17. borboleta africana em 7 Maio, 2009

    A-D-O-R-E-I…são mesmo a minha onda!
    A propósito do Tagore lembrei-me de outra frase dele que é a minha “máxima”: Se à noite choras pelo sol não verás as estrelas”…

    Agora uma questão que não vem paar o caso mas lembrei-me de que me poderias talvez ajudar …por acaso por aí onde vives consegues encontrar fermento para fazer iogurte de soja (sem ter de utilizar um já feito)100º vegan? Isto é sem vestígios de leite de vaca?

    bjs e obrigada

  18. Zé em 7 Maio, 2009

    Maravilha! Venham da India ou da China, feitos pela tua mão são bons de certeza. Para tomar com um café… hum! hum!
    Não paras de surpreender. :)

  19. leonor em 7 Maio, 2009

    Olá José!

    Sim…são 5 gramas de côco!

  20. leonor em 7 Maio, 2009

    Olá Isabel!

    Vou ver se encontro por aqui o tal fermento para iogurtes de soja!…comunico quando encontrar!!! ;)

    Beijos!

  21. Mary em 7 Maio, 2009

    Leonor,
    Não conhecia,também não me lembro de ter comido.
    Mas está fantástico, assim como deve ser bom.

    E as fotos sem palabras.,lindas.
    bjs

  22. Claudia em 7 Maio, 2009

    Leonor,

    Nunca provei masse forem tão bons como são lindos, vou gostar. As fotos ficaram lindas e o detalhe do côco queimadinho em cima do bolo ficou uma beleza. Você usou côco seco(desidratado)?

    Bj,

    C.

  23. borboleta africana em 7 Maio, 2009

    Leonor obrigada pela ajuda.
    O fermento bio rich foi precisamente o que me deixou “de pé atrás” não fiquei segura da sua origem 100 º vegetal . Vestígios de lactose …
    Agora também é verdade que do ” leite” de soja não nascem verdadeiros iogurtes o que me faz pensar na razão são denominados como tal os que estão a venda no mercado. Pensei em ti porque talvez aí exista mais algum produto que eu ainda não conheça. Por exemplo um fermento de origem vegetal. Por exemplo eu para fazer o tofu caseiro adiciono nigari (alga) em flocos para provocar a coagulação do leite de soja (que também faço em casa).
    Desculpa lá estar a pensar alto e a ser chata.
    Bjocas

  24. francisco de almeida e sousa em 7 Maio, 2009

    FANTÁSTICO!!!
    Este blog está melhor de dia para dia!!…já nem tenho palavras!!

    Obrigada pela partilha!

  25. Silvia em 8 Maio, 2009

    Bocados deliciosos Leonor. Me comía dos cucharitas.
    Presentación un 11 (sobre pasaste el 10).

    Besos.

  26. argas em 9 Maio, 2009

    Que sugestão diferente! Estão lindos! :)

  27. leonor em 9 Maio, 2009

    Olá Cláudia!

    Desculpe ainda não ter respondido à pergunta do côco, mas esqueci-me completamente!…
    Sim…usei côco desidratado mas adoraria ter usado do fresco porque o sabor é incomparavelmente melhor.
    O côco seco torna-se mais económico e mais prático de utilizar e aqui para encontrar o fresco tenho que correr toda a cidade…:)

  28. Canela em 9 Maio, 2009

    Leonor
    Adorei os ingredientes e o look fantastico!Só tenho pena de não provar…
    Bj

  29. ana em 11 Maio, 2009

    Decididamente a experimentar… o difícil acho que vai ser encontrar farinha de grão-de-bico!!!

  30. Céu em 12 Maio, 2009

    Parabéns pelo blog, é lindíssimo e delicioso! :)
    Apenas uma perguntinha muito básica, porque adoro a culinária do Mediterrâneo e basicamente de qualquer zona que utilize o grão-de-bico, onde é que se pode encontrar/comprar farinha de grão-de-bico?
    Obrigada e um abraço!

  31. leonor em 12 Maio, 2009

    Olá Céu!

    Não tenho ideia onde encontrar farinha de grão-de-bico em Portugal….

    Apesar de tudo,experimente numa loja de produtos naturais/bio…costumam ter sempre imensa farinhas e sementes diferentes!!

    Espero que consiga encontrá-la!

    Ah…esta farinha é óptima para fritar peixe! :)

  32. Eliane em 2 Junho, 2009

    OI, sou do Rio Grande do Sul e adorei conhecer este blog.
    Parabéns!
    Eliane.

  33. Fernando em 30 Novembro, 2009

    Ola Leonor, adorei o blog.
    Diz-me, estes bolinhos são húmidos ou nem por isso.
    Um beijo

  34. Leonor de Sousa Bastos em 3 Dezembro, 2009

    Olá Fernando,

    Os bolinhos acabados de fazer são húmidos, mas com o passar do tempo vão endurecendo.
    A textura deles é bastante arenosa e recorda a do torrão de Jijona.
    Pessoalmente gosto mais deles acabados de fazer…

    Um beijinho,

    Leonor

  35. MARIA DE LOURDES ARAUJO em 10 Junho, 2010

    MINHA LINDA !! NÃO SOU CONHECEDORA DOS DOCES INDIANO .
    MUITO POUCO CONHEÇO DA CULTURA DA INDIA ,MASSS ESSES DOCINHOS TA COM CARA DE GOSTOSOS, E MUITO BONOITAS FOTOS PARABÉNS!! VOU FAZE-LO DEPOIS TE CONTO O RESULTADO .
    JA SEI VÃO ADORAR AQUI NA MINHA CASA .

    BEIJOS LOURDES ARAUJO

  36. Ayur em 15 Setembro, 2010

    Para as pessoas que estavam à procura de farinha de grão de bico: http://www.ayur.com.pt/farinhas/308-virani-gram-flour.html

    Lançámos esta loja online há um mês atrás e temos vários produtos que dificilmente encontrarão em Portugal. E o melhor é que podem fazer a encomenda online, nós enviamos para todo o país…

    Espero que gostem! :)

Comentar




    Translation



  • Últimos posts

  • Receitas por categoria

  • Arquivos