wordpress stat
Receita de Red velvet cake

Lady in Red

Vibrante, feminino e apaixonante…

O Red Velvet Cake é um bolo típico do sul dos Estados Unidos com uma característica cor vermelha e que se cobre com um creme branco de manteiga.





Red Velvet Cake

Bolo:

2 colheres de sopa de corante alimentar vermelho líquido ou em gel
12 g de cacau
15 ml de extracto de baunilha
110 g de manteiga sem sal, amolecida
270 g de farinha com fermento
300 g de açúcar
2 ovos grandes
245 g de buttermilk
5 g de sal
5 g de bicarbonato de soda
5 ml de vinagre de sidra.

Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Untar e polvilhar com farinha uma forma redonda de 23 cm de diâmetro.
Misturar o corante, o cacau e a essência de baunilha. Reservar.
Bater a manteiga com o açúcar a velocidade média até que fique esbranquiçada e esponjosa (4-5 minutos).
Juntar os ovos, um a um.
Juntar a farinha em 3 vezes, alternada com o buttermilk. Bater bem.
Juntar o sal.
Juntar o corante com o cacau e a baunilha.
Misturar o vinagre com a soda e juntar por fim, à massa do bolo.
Cozer 20-25 minutos.
Tirar do forno e deixar que arrefeça 10 minutos dentro da forma.
Desenformar.

Cobertura e recheio:

480 ml de leite
50 g de farinha de trigo
450 g de manteiga, amolecida
400 g de açúcar fino
10 ml de extracto de baunilha

Dissolver a farinha no leite num tacho e levar a lume médio, mexendo constantemente até que coza e fique espesso (12-18 minutos).
Deitar o preparado numa taça, cobrir com película aderente colada à superfície (para não criar uma película dura por cima) e deixar arrefecer.
Bater o açúcar com a manteiga até que fique cremoso e esbranquiçado (5 minutos).
Juntar a baunilha e a mistura de leite e farinha, sem deixar de bater, até que fique homogéneo.

Fonte: Jennifer Appel




Comentários

55 Comentários to “Receita de Red velvet cake”

  1. ameixa seca em 25 Janeiro, 2009

    Ai essa do buttermilk apanhou-me. Isso já se compra assim ou faz-se em casa? Gostava de fazer um bolito vermelho para festejar as vitórias do Porto carago :)
    Lindo!

  2. Magia na Cozinha em 25 Janeiro, 2009

    Ficou lindo!
    Este bolo é super comum aqui durante o ano todo, embora seja preferido na época das festas de final de ano.
    Uma vez fiz um bem pequeno, já que eu ia comer praicamente sozinha. Na receita que utilizei, coloca-se geléia de framboesa no meio do bolo e o creme só por fora.
    Bjs :)

  3. Nani em 26 Janeiro, 2009

    Adoro esse bolo, já tinha visto a receita e foi de onde a copiei no programa da Martha Stwuart, fiz e ficou excelente, não o faço há tempos, o buttermilk eu faço com umas gotas de vinagre, ficou lindo todo coberto de branco, o laço faz toda a diferença, bjs.

  4. Leonor de Sousa Bastos em 26 Janeiro, 2009

    Olá a todos!!!

    Podem substituir o buttermilk da receita por 164 g de iogurte desnatado misturado com 82 g de leite!!

    Miguel,

    Eu sou um bocadinho avessa a utilizar corantes artificiais na comida, por isso estava com medo em relação ao resultado do bolo.
    Como uma leitora me tinha pedido que lhe enviasse a receita, não tive outro remédio senão experimentá-la primeiro, para me certificar que era mesmo boa.

    Para isso, pesquisei imensas receitas do mesmo bolo e pude concluir que todos eles levam o dito corante.

    No blog da Tartelette encontrei uma versão deste bolo feita para alguém que era alérgico a corantes alimentares e onde ela substituiu o corante por uma redução de sumo de morango.
    A mim, pareceu-me uma excelente ideia e um dia quero experimentar fazê-lo assim…
    Por agora, só tive tempo de fazer a receita original!

    …a mim faz-me uma certa confusão ver um bolo vermelho cujo sabor não correponde à sua cor.
    Temos sempre tendência a associar as cores aos sabores e para mim um bolo vermelho seria imediatamente associado a frutos silvestres…
    Mesmo assim, depois da 1ª fatia, o sabor faz com que a cor passe para 2º plano!!!

    Beijinhos!

  5. Anonymous em 26 Janeiro, 2009

    Ohhhh está lindo lindo!

    Muito obrigado pelo tempo. Estou muito tocada pelo gesto.

    Este fim-de-semana vou já fazer esse lindo bolo. Calha mesmo bem :D

    Mais uma vez obrigado pela ajuda :D

    Beijinhos da Joaninha

  6. Mari Azevedo em 26 Janeiro, 2009

    Amiga querida, que coisa mais linda esse bolo… eu não o conhecia. Como tudo o que você faz, ficou incrivelmente lindo, e parece delicioso… =D
    Bjo grande,

    Mari

  7. Raspas de Laranja em 26 Janeiro, 2009

    Que giro! Tão simples e tão imponente. E como disse a Ameixa, um bolinho vermelho para festejar… beijinhos

  8. Claudia em 26 Janeiro, 2009

    Leonor,

    Ficou lindo o seu bolo. Você sempre arrasa.

    Beijos,

    Claudia

  9. borboleta africana em 26 Janeiro, 2009

    Ficou lindo. Come-se só com os olhos.
    Adoro as fotografias do seu blog (não me canso de repetir…).
    As cores são absolutamente chocantes!

  10. Miguel Azevedo Peres em 26 Janeiro, 2009

    gorgeous! embora não seja o meu estilo..tem muita pintura.. mas sem dúvida tem classe! há alguma maneira de por um bolo dessa cor sem corantes?
    isso é das coisas que mais curiosidade me desperta as cores da comida.. bolos amarelos, laranjas e verdes dão para fazer sem corantes… há mais cores??

  11. Anonymous em 26 Janeiro, 2009

    Olá!

    Costumo vir ao seu blog frequentemente e adoro as suas receitas e fotografias.
    Desconhecia este bolo e achei-o bastante curioso.
    Acho que o vou experimentar!…depois conto!

    Amália

  12. Anonymous em 26 Janeiro, 2009

    …que sorte a da Joaninha! :P

  13. Francisco em 26 Janeiro, 2009

    Parabéns!…consegue sempre surpreender-me!
    Um bolo com muita classe…

  14. Polly Jean em 27 Janeiro, 2009

    Olá Leonor, eu adoro cozinhar, um mero hobby, e apetece-me experimentar tudo que tem no seu blog. Já agora, pode-me explicar essas diferenças da farinha. Eu em casa só tenho Maizena, a farinha branca de neve corrente. Também fécula de batata, que é diferente.
    Obrigado

  15. Avental da Micas em 27 Janeiro, 2009

    Leonor, onde andavas tu por altura do meu aniversário???
    Era exactamente de um bolinho assim que andava à procura para apresentar na mesa e aos convidados! Na falta dele, saiu-mme aquela peça de bolo ‘empedrado’ que só dava vista, mas não era comestível!
    ficou francamente bonito, apetacível e tentador. Vou CONCERTEZA experimentá-lo muito em breve. (depois envio-te fotos do resultado, prometo! ;)) bjs

  16. Lili em 27 Janeiro, 2009

    Nossa! Quantas coisas lindas e deliciosas!
    Adoramos! Tudo lindo!
    Nós fazemos Cupcakes!
    Será que a receita do red velvet serve para os mini bolinhos??
    Parabéns pelo blog!
    Um beijão
    Karen e Lili

  17. mesa para 4 em 28 Janeiro, 2009

    Gosto muito deste bolo…ficou lindo…beijinho

  18. Canela em 30 Janeiro, 2009

    Leonor
    Apesar de nunca ter provado,não me recordo onde já vi esta receita,mas a foto e o aspecto do bolo superam o que já vi.
    Bj

  19. Anonymous em 31 Janeiro, 2009

    O teu bolo é super bonitinho, como tudo no blog! Na Carolina do Sul onde eu cresci, a gente sempre faz com cream cheese icing (ou “frosting,” mas Southerners falam “icing”), não com buttercream qualquer…

    Experimente com isso do cream cheese (se tiver produto parecido na Europa) — é melhor assim, juro!

    Bryan

  20. Isabel em 10 Fevereiro, 2009

    Que loucura de bolos. Cada um mais lindo e chique que o outro. Este blog é *****

  21. Edilia Heck em 15 Fevereiro, 2009

    Um bolo diferente , e muito bonito, parabéns. Sempre passo no seu blog, acho diferente dos demais.
    Edilia

  22. Sónia Vieira em 24 Fevereiro, 2009

    Leonor, é a primeira vez que visito este blog e é capaz de ser dos mais bonitos que já vi. Muitos parabéns pelo TLC (tender, love and care) que dá ao seu blog, também dirigidos ao Miguel.
    Queria só acrescentar aos comentários que originalmente este bolo tinha este cor porque era usado sumo de beterraba. Se não quiserem utilizar corantes artificiais, existe um pó feito de beterraba. O único local onde o encontrei foi na internet, no site http://www.steenbergs.co.uk. Basta procurar em beetroot organic powder. O único problema são os gastos de envio, que para Portugal são quase superiores ao do próprio produto. Mas deve valer a pena experimentar.
    Mais uma vez muitos parabéns e vou continuar a ser uma assídua “leitora“
    Sónia

  23. Catarina em 6 Dezembro, 2009

    Olá Leonor!

    Adorei o aspecto deste bolo, ainda que também torça o nariz a cores artificiais, quando vi que levava cacau, rendi-me. Assim, adorava fazê-lo para os meus anos. No entanto, tenho apenas uma questão em relação a onde se pode comprar o corante, porque não me parece que seja muito acessível…

    O blog é fantástico, parabéns.
    Catarina

  24. Leonor de Sousa Bastos em 6 Dezembro, 2009

    Olá Catarina,

    Obrigada pelo seu comentário!
    O corante vermelho pode encontrar-se em lojas especializadas em pastelaria mas, em qualquer supermercado, costuma haver corantes da Vahiné junto aos produtos de pastelaria!

    Beijinhos,

    Leonor

  25. Laura Tavares em 12 Janeiro, 2010

    Olá Leonor!

    Antes de mais, muitos parabéns pelo site é deslumbrante! Dá vontade de ir a correr para a cozinha experimentar as suas receitas =D
    Tinha duas questões a colocar-lhe: dá para fazer este bolo sem usar o corante? (Não sou grande adepta de corantes artificiais… xD)
    Se não for possível deixar de usar o corante, gostaria de saber onde posso encontrar a redução de sumo de morango e que quantidade devo utilizar na receita.

    Beijinhos e obrigada!

    Laura

  26. Patrícia em 3 Fevereiro, 2010

    Ai, Leonor, que “colírio” para os olhos, este bolo!
    Descobri-o por acaso (link da tua laranja mecânica) e fiquei encantada, nem de propósito para o dia dos namorados… a menos que nos teus anos ou por volta do S. Valentim nos presenteies com outra maravilha ainda mais espectacular! ;-)

    Faço minhas as palavras do comentário anterior e reforço o pedido sobre onde encontrar ou como fazer a redução de morango e a quantidade a usar; à falta de melhor uso mesmo o corante, mas como o pequenote vai querer comer também, penso que o sabor ficaria interessante… já experimentaste? Obrigada desde já pelas dicas!

    Beijocas
    Patrícia

  27. Patrícia em 8 Fevereiro, 2010

    Leonor,

    venho pedir mais uma ajudinha! Com o que é que posso substituir o extracto de baunilha? Pelo menos na cobertura, por causa do álcool, que até nem é muito e no bolo ainda vá que não vá, como coze no forno… Mas o cheirinho a bolo é inconfundível e o pequenote vai querer comer!
    Se eu utilizar vagem de baunilha “estrago” um bocadinho o efeito, pois vão notar-se as bolinhas e o creme não fica com um branco tão “imaculado” como nas tuas fotos… O que fazer?

    Beijinhos e obrigada!
    Patrícia

  28. Patrícia em 8 Fevereiro, 2010

    Ai, desculpa estar a ser chatinha, mas o que é exactamente o vinagre de cidra?
    A única tradução que me aparece para cidra corresponde a um fruto tipo limão… Será que estavas a falar da “sidra”, uma bebida francesa à base de sumo fermentado de maçã? (Em francês escreve-se “cidre”)
    Se eu não encontrar aqui pela Alemanha, como posso substituir?

    Mais uma vez, desculpa tanta pergunta, mas queria mesmo fazer este bolo magnífico no dia dos namorados…

    Obrigada!
    Patrícia

  29. Leonor de Sousa Bastos em 9 Fevereiro, 2010

    Patrícia,

    Tens toda a razão…seria vinagre de sidra e não de cidra…foi um erro meu!
    Se não encontrares o vinagre de maçã, usa vinagre branco…

    Um beijinho,

    Leonor

  30. Leonor de Sousa Bastos em 9 Fevereiro, 2010

    Olá Laura,

    O bolo pode fazer-se omitindo o corante.
    Ainda não experimentei nenhuma versão feita com redução de sumo de morango e por isso é impossível indicar-lhe a quantidade que deve utilizar…além disso, a redução terá que fazer-se em casa…

    Prometo que se experimentar uma nova versão deste bolo em que consiga a mesma cor sem usar corantes dou a receita, mas por agora esta é a única que posso garantir com sucesso.

    Um beijinho,

    Leonor

  31. Leonor de Sousa Bastos em 9 Fevereiro, 2010

    Patrícia,

    Podes substituir o extracto de baunilha por alguma essência ou aroma ou usar uma parte de açúcar baunilhado.

    Quanto à questão do corante, como não experimentei usar nenhuma outra alternativa, não posso indicar nenhuma quantidade, nem garantir que o bolo fique com a mesma cor…

    Beijinhos,

    Leonor

  32. Mafalda em 8 Março, 2010

    Experimentei esta cobertura num zuccotto e fiquei fã! É a melhor cobertura com manteiga que já experimentei e vou utilizá-la em outras receitas, sem dúvida! Muito obrigada!!!

  33. Klau em 5 Abril, 2010

    Experimentei e adorei… geralmente pensamos que os bolos bonitos não são saborosos. Ora aqui está a prova do contrário. A estética associada ao sabor.
    Entretanto tenho uma dúvida: seguindo a sua receita, o meu creme de manteiga não ficou tão branco como a fotografia do blog…. será que utilizou manteiga sem sal? e mesmo a consistência complicou um pouco o trabalho de cobertura.

    Vou continuar a experimentar as suas receitas….. acho que tenho impressionado lá por casa…
    Obrigada e parabéns pela excelência do seu trabalho!
    Klau.

  34. Marta em 18 Maio, 2010

    O buttermilk vende-se em portugal? Obg

  35. Marta em 15 Setembro, 2010

    Ola,

    Eu acho que já me posso considerar uma leitora assídua, pois sempre que quero uma receita diferente venho até aqui.
    Dou-lhe os parabéns pelos seus trabalhos, para além de serem belos, são deliciosos.
    Este vai ser o próximo bolo a ser feito lá em casa…vamos lá a ver como corre :)
    Aproveito para lhe deixar aqui o site, do meu namorado, que, logo começou a escrever, fez um mini artigo sobre o Flagrante Delicia.

    http://ninhodepassaro.com/2009/07/flagrante-delicia.html

    Basicamente, é uma homenagem, que um terrível guloso, faz ao Flagrante Delicia.

    Beijinhos e felicidades

  36. Sonia em 2 Fevereiro, 2011

    Amiga, acho que nunca comentei por aqui, mesmo sendo uma visitante bastante assídua.
    Apenas acho que os meus comentários seriam bastante inferiores á qualidade das tuas comidas.
    Muitos parabéns, tens umas mãos de fada e muito bom gosto!

  37. Anara em 6 Abril, 2011

    Eu em conjunto com a minha prima fizemos esse bolo na sexta passada para o aniversário da minha prima, era uma receita semelhante e confesso que não gostei muito do resultado.

    A minha prima tentou novamente em casa, pois ficamos com medo que tivessemos feito algo mal na receita, mas quando demos a provar aos amigos nenhum gostou muito do efeito vermelho corante e embora estivesse visualmente giro e bem decorado não foi um sucesso, confesso que nem a mim me apeteceu provar o 2º bolo.

    Mas ficou-me o bichinho e já pensei fazer uma versão mais natural com morangos, mesmo que tenha de por algum corante já não me parece tão mal, é mesmo como alguem disse….a cor não corresponde ao sabor, por isso ando com a ideia de adicionar os morangos para dar sabor á cor….está na lista de coisas a fazer.

  38. Leonor de Sousa Bastos em 7 Abril, 2011

    Olá Anara,

    Apesar de não ser a maior fã de corantes artificiais e da cor do bolo não ter qualquer correspondência com o sabor, eu gostei muito da receita e toda a gente que conheço que a provou, também gostou.
    Para conseguir uma cor vermelha com morangos sem alterar a textura do bolo, é quase impossível. A cor vermelha dos morangos altera-se com a cozedura e teria que ser um concentrado muito forte.
    Talvez com corante natural em pó seja possível, mas vai ter uma árdua tarefa pela frente! ;)

    Beijinhos!

  39. Anokas em 30 Abril, 2011

    Olá

    Fiz uma versão aldrabada do bolo red velvet (só o aspecto), um género de bolo de yogurte com corante alimentar vermelho. Usei yogurte de morango e o resultado foi excelente, pois o sabor correspondia à cor. Para recheio utilizei yogurte cremoso de morango com doce de morango.
    beijo a todos

  40. Raquel Fava em 10 Novembro, 2011

    Parabéns Leonor, as suas receitas nunca falham!

    Já fiz este bolo duas vezes e ficou maravilhoso!! Super fofo, todos adoraram o resultado!

    Beijinhos e Obrigada!

  41. Xana em 20 Dezembro, 2011

    Olá Leonor,

    Parabéns pelo exelente bom-gosto :)
    Fiz este bolo ontem ,o sabor estava bom mas ficou muito baixinho nem sequer deu para rechear :(
    Penso que o meu erro terá sido por ter batido mto no fim ou o buttermilk que fiz com iogurte natural, não fiquei com a certeza do que seria iogurte desnatado.
    Desde já obrigado pela resposta.
    Beijinho

  42. Leonor de Sousa Bastos em 20 Dezembro, 2011

    Olá Xana,

    É complicado para mim dizer-lhe o que é que não correu bem porque não a vi a fazer o bolo…

    Quando fiz este bolo, usei precisamente o iogurte natural misturado com o leite porque não tinha acesso ao buttermilk e por isso excluo essa hipótese à partida.

    Depois de adicionar a farinha a um bolo a massa deve bater-se apenas o suficiente para ligar todos os ingredientes e a uma velocidade baixa. A farinha tem uma proteína (o glúten) que ao ser muito trabalhada torna as massas duras e quando fazemos um bolo queremos que fique fofo e leve. Esse é também um dos motivos porque as massas de tartes devem descansar depois de serem amassadas… para que o glúten relaxe e a massa não fique dura.
    Apesar de tudo, não creio que isso seja motivo para o bolo não crescer…

    Usou a forma de 22 cm? Se usou uma forma maior, é natural que o bolo tenha ficado mais baixo.

    Usou a farinha com fermento e usou o bicarbonato? Estes são os ingredientes que vão fazer “crescer” a massa e omitindo algum deles é o suficiente para correr mal.

    Quanto tempo esteve o bolo na forma antes de o levar ao forno? Mal mistura a farinha com o fermento e o bicarbonato com os ingredientes húmidos estes começam a fazer efeito e a massa deve levar-se o mais rapidamente possível ao forno (é por isso que o forno se pré-aquece). Se a massa fica na forma demasiado tempo antes de ir ao forno, perde-se a acção dos “fermentos” e o bolo não cresce.

    Abriu o forno durante a cozedura? Um bolo precisa de uma determinada temperatura para crescer e precisa que essa temperatura seja constante. Sempre que abre a porta do forno perde-se uma enorme quantidade de calor que afecta o crescimento do bolo.

    Eu cozo os bolos sem ventilação… se usar o forno ventilado a temperatura deve ser mais baixa.

    Não sei mais como poderei ajudá-la…

    Espero que para a próxima a receita fique bem!!…não se esqueça que a pastelaria é diferente da cozinha e que qualquer pormenor que omita ou altere pode ser o suficiente para deitar tudo a perder…

    Um beijinho e bom Natal,

    Leonor de Sousa Bastos

  43. Sara em 30 Dezembro, 2011

    Olá Leonor,
    esta pergunta pode parecer um bocado parva, mas sempre que fiz um bolo com recheio tive que utilizar duas formas para fazer as duas esponjas em separado. Não compreendo como é que aqui recheia o bolo: corta o bolo ao meio ou utiliza duas formas?

    Agradecia imenso se pudesse responder antes do ano novo!

    Muito obrigado, boas festas e um beijinho!

  44. Sofia em 8 Março, 2012

    Olá Leonor,

    Adorei o aspecto do bolo e adorava fazê-lo para o aniversário da minha mãe, no entanto eu não consigo encontrar o buttermilk. Onde o posso comprar?

    Um beijinho e parabéns pelo excelente trabalho que tem feito!!!

  45. Receita de Red velvet cake de beterraba com recheio e cobertura de queijo cremoso | :: as melhores receitas de sobremesas de leonor de sousa bastos | flagrante delícia :: em 23 Abril, 2012

    [...] de veludo vermelho. Já tinha feito um Red Velvet Cake em 2009 e continua a ser um dos bolos sobre os quais recebo mais feedback. Na altura, publiquei a [...]

  46. Igor Krupp em 26 Abril, 2012

    Minha cara colega de cozinha!!! Parabéns por sua dedicação e dicas aqui, para que todos nos mesmos profissionais ou não na gastronomia. Eu particularmente estou agora procurando dicas e profissionalização na confeitaria e pastelaria! Grato pelo seu carinho com tudo que fazes! Parabéns.
    Gostaria de saber o que é “LUME” e “BUTERMILK”?
    Obrigado!

  47. Leonor de Sousa Bastos em 26 Abril, 2012

    Olá Igor,

    Obrigada pelo seu simpático comentário!
    Buttermilk é soro de leite e lume é o mesmo que fogo.

    Um beijinho,

    Leonor

  48. Filipa Salgueiro em 17 Agosto, 2012

    Boa tarde Leonor,

    fiquei apaixonada pelo seu blog e hoje decidi experimentar o Red Velvet, tenho 22 anos e foi a minha primeira tentativa num bolo deste genero, e acho que correu bem, a unica coisa que correu menos bem foi o creme, nao ficou tao branquinho como o seu, ficou com um tom branco amarelado, embora muitol clarinho mas nao consegui chegar ao branco-branco, o que acha que pode ter corrido mal nesta fase?

  49. Manuela em 9 Setembro, 2012

    O buttermilk compra-se no Aldi. Custa 0,49€

  50. Andreia Lourenço em 19 Setembro, 2012

    Ola boa tarde, que estou a pensar em fazer este bolo para o aniversário da minha mãe mas na outra versão deste bolo (a que leva beterraba) a cobertura leva queijo, e eu li as duas receitas e estou inclinada em fazer esta receita do bolo mas com a cobertura e recheio do outro.

    Haverá algum inconveniente, acha que seria melhor não misturar receitas?

    Obrigada pela atenção

  51. Leonor de Sousa Bastos em 25 Setembro, 2012

    Olá Andreia,

    É exactamente essa a minha versão favorita da receita (com a massa com corante e a cobertura de queijo cremoso). Tenho a certeza que fica óptima!;)

    Beijinhos,

    Leonor

  52. Diana Ferreira em 8 Março, 2013

    Boa noite!
    Gostaria de saber se xarope de baunilha e essência de baunilha sao o mesmo ou se poderão ser substituidos um pelo outro?
    Obrigada e desde já aproveito para felicitá-la pelo seu óptimo trabalho, fique sabendo que a invejo (: Estou agora a acabar o secundário e o meu sonho é, pelo menos, ter uma carreira parecida à sua.

  53. Helena em 20 Abril, 2013

    Olá Leonor,
    Para a cobertura com queijo cremoso: que queijo recomenda e de que forma se faz então a cobertura?
    Fico só à espera da resposta para iniciar o tão desejado bolo!
    Parabéns pelo blog, além de muito bonito é uma fonte de inspiração para doces momentos.
    Beijinhos

  54. Leonor de Sousa Bastos em 21 Abril, 2013
  55. Leonor de Sousa Bastos em 21 Abril, 2013

    Olá Diana,

    Peço desculpa por reponder tão tarde!

    Xarope de baunilha será extracto de baunilha? :) O extracto é feito com álcool e vagens de baunilha. O aroma é feito com vanilina sintética.

    Obrigada eu, por palavras tão simpáticas.

    Beijinhos,

    Leonor

    P.S. QUERER É PODER! ;)

Comentar




    Translation



  • Últimos posts

  • Receitas por categoria

  • Arquivos