wordpress stat
Quatro Cuartos

Típicos de Palma de Maiorca, os cuartos acompanham o chocolate quente e o copo de sorvete.
Fofos, leves e macios, directamente do meu forno…

Cuartos

Para 18 unidades:
12 ovos
200 g de açúcar em pó
200 g de maizena

Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Preparar caixinhas de papel de 10x6x3 cm.
Bater as gemas com o açúcar até que dobrem o seu volume.
Misturar as claras em neve e por fim a maizena peneirada.
Encher as formas até cima, e coloca-las sobre um tabuleiro de forno.
Cozem uns 12 minutos.
Ao tirar do forno, bater com o tabuleiro, para que os cuartos não se enruguem.
Polvilhar com açúcar em pó.

Instruções para a montagem das caixas:




Comentários

15 Comentários to “Quatro Cuartos”

  1. Michelle Carnaúba (Cherry) em 31 Agosto, 2008

    Adorei a receita e, como sempre, lindíssimas fotos!!!!
    Quer mais sugestões do desafio culinário? Como vc gosta de doces, acho que farei uma receita de doces também para a troca de receitas ficar legal!
    Bjos

  2. mesa para 4 em 31 Agosto, 2008

    Lindos cuartos e as forminhas que formosas…beijinho

  3. Ana em 4 Junho, 2009

    Olá Leonor,

    Adoro visitar seu blog! É um convite aos olhos e ao paladar! Parabéns!!
    Estive a fazer sua receita de cuartos e realmente eles nao ficaram assim “crescidos” como os seus!! rsrs Ficaram deliciosas mas nada perto desse aspecto de “nuvem fofa”!! :) Será que bati muito ao retira-los do forno?Mais uma pergunta: qual o melhor papel para as caixinhas? O manteiga?
    Obrigada,

    Anna

  4. leonor de sousa bastos em 6 Junho, 2009

    Olá Anna!

    Peço desculpa por apenas responder agora mas “perdi-me” do seu comentário…
    O facto de os cuartos não terem crescido não tem nada a ver com o golpe que se dá ao tabuleiro depois de sairem do forno…aqui, são bastante violentos…ehehe…o golpe dá-se apenas para evitar que os cuartos fiquem com a parte de cima enrugada….

    Não vi o seu resultado mas arrisco-me a dar-lhe algumas dicas embora seja difícil explicar a escrever…

    As gemas com o açúcar estão batidas no ponto certo quando conseguir fazer desenhos com a massa: quando ao levantar a batedeira e a massa que cair sobre a massa da taça se mantiver uns segundos à superfície sem se afundar imediatamente.

    É muito importante misturar bem as gemas com as claras, sempre com movimentos suaves e envolventes (de cima para baixo) para que a mistura perca o mínimo de volume possível.

    Ao misturar a maizena esta deve ser peneirada pouco a pouco sobre a massa, repetindo os mesmos movimentos suaves e tentando não perder volume.

    A massa final deve estar muito fofa e cheia de ar…

    Também é importante que não deixe os bolos demasiado tempo à espera antes de os por no forno e que o forno já esteja pré-aquecido e com a temperatura correcta na altura de os levar a cozer.

    O papel que utilizei foi mesmo um papel normal de máquina.
    Tenho um esquema feito de como montar as caixinhas que já enviei para algumas pessoas e se quiser envio-lhe também.

    Espero ter ajudado e que compreenda que é difícil explicar certas coisas sem exemplos “vivos” e apenas com palavras…

    Um beijinho,

    Leonor

  5. Carla em 6 Outubro, 2009

    Leonor,

    Estava repassando seu blog. Adoro olha a delicadeza de cada receita e foto. É realmente incrivel a capacidade de criação de vocês dois.
    Bom, estava passando por aqui procurando receitas de sorvetes, pois aqui o valor está chegando e vi essa receita fofissima. Será que você poderia me passar o esquema das caixinhas?
    Já imagino esse bolo com o gelado de nata que você fez em outro post.
    Hummmm

    Bjs

    Carla

  6. lucia em 15 Fevereiro, 2011

    sera que podia enviar.me o esquema de como montaras caixas. obrigada

  7. Claudia Oliveira em 24 Março, 2011

    Olá leonor,

    Parabéns pelo teu trabalho, já experimentai várias receitas e todas são excelentes!!!

    Podes enviar-me o esquema das caixinhas!!!

    Mt obg e bejinhos, Cláudia

  8. Leonor de Sousa Bastos em 24 Março, 2011

    Já enviei! 😉

  9. Daniela em 13 Abril, 2011

    Adoro visitar seu site, que é de muito bom gosto. Embora, eu seja adepta de uma alimentação saudável, ele é inspirador.
    Pode me enviar o esquema de como montar as caixinhas?
    Obrigada
    Um grande abraço
    Daniela

  10. miriam em 22 Agosto, 2011

    Estou aqui no Brasil procurando justo a receita apresentada. Poderia enviar o esquema das caixinhas? Beijos e parabéns pelo blog

  11. Maria em 2 Abril, 2012

    Leonor

    Desculpe a ousadia mas é possível enviar-me o esquema das caixas?

    Delicio-me com o Flagrante Delicia.

    Muitos parabéns

  12. Manuela Almas em 12 Abril, 2012

    muitos parabéns pelas receitas maravilhosas com que nos presenteia! seguramente os meus dias são mais saborosos e felizes por sua causa!! queria pedir-lhe se me poderia enviar o esquema das caixinhas. muito obrigada! 😉

  13. Leonor de Sousa Bastos em 12 Abril, 2012

    Olá Manuela,

    Obrigada pelo simpático comentário!
    Vou disponibilizar ainda hoje o esquema das caixas na página de facebook do Flagrante Delícia porque já tenho tido vários pedidos e nunca sei exactamente onde o tenho guardado. Tem acesso à página?…

    beijinhos*

  14. Sofia em 23 Fevereiro, 2013

    Boa tarde Leonor, gostava de saber qual a dimensao da folha para as caixas. Ha anos que sou “cliente” do seu blog, e agora que tenho um filho em dieta sem gluten, ando a experimentar tudo o que posso – e esta receita está na calha! Muito obrigada por tantas receitas para celiacos!

  15. Leonor de Sousa Bastos em 24 Fevereiro, 2013

    Olá Sofia,

    Eu é que agradeço tanta simpatia. :)

    A folha é um A4.

    Um beijinho,

    Leonor

Comentar




    Translation





  • Últimos posts

  • Receitas por categoria

  • Arquivos