wordpress stat
Receita de muffins de limão e sementes de papoila

De tarde



De Tarde

Naquele pique-nique de burguesas,
Houve uma coisa simplesmente bela,
E que, sem ter história nem grandezas,
Em todo o caso dava uma aguarela.

Foi quando tu, descendo do burrico,
Foste colher, sem imposturas tolas,
A um granzoal azul de grão-de-bico
Um ramalhete rubro de papoulas.

Pouco depois, em cima duns penhascos,
Nós acampámos, inda o Sol se via;
E houve talhadas de melão, damascos,
E pão-de-ló molhado em malvasia.

Mas, todo púrpuro a sair da renda
Dos teus dois seios como duas rolas,
Era o supremo encanto da merenda
O ramalhete rubro das papoulas!

Cesário Verde






Muffins de limão e sementes de papoila

Para 7 unidades de aproximadamente 100 g:

185 g de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento químico (5 g)
145 g de açúcar
125 g de manteiga amolecida
1 pitada de sal
100 g de iogurte natural
2 ovos
30 ml de óleo de girassol
15 ml de sumo de limão
Raspa fina de 1 limão
10 g de sementes de papoila
Açúcar em pó para polvilhar.

Pré-aquecer o forno a 190º C.
Untar e polvilhar levemente de farinha 7 formas.
Peneirar as farinhas e o fermento químico.
Bater o açúcar com a manteiga e o sal até que fique uma mistura leve e cremosa.
Adicionar o iogurte e bater bem.
Noutra taça, bater os ovos com o óleo e o sumo de limão.
Adicionar a mistura de ovo à de manteiga em 3 vezes, batendo bem.
Misturar a raspa de limão e as sementes de papoila.
Adicionar a farinha peneirada e misturar rapidamente, apenas até ligar todos os ingredientes.
Verter a massa nas formas enchendo até ¾ da sua altura.
Cozer durante aproximadamente 30 minutos ou até que um palito inserido no centro saia seco.
Retirar do forno e polvilhar com açúcar em pó.
Deixar os muffins arrefecer ligeiramente nas formas, desenformar e deixar arrefecer completamente sobre uma grade de pastelaria.




Comentários

37 Comentários to “Receita de muffins de limão e sementes de papoila”

  1. Cacahuete em 7 Março, 2010

    E que bela tarde seria se com estes magnificos queques com as sementes das ditas papoilas, as burguesas se deliciassem no seu belo acampamento ao final deste dia.

    Eu não sou nem papoila nem burguesa. Mas agradam-me as sementes de papoila e o aroma e fragancia do limão.

    Beijinhos

  2. Mão na Massa em 7 Março, 2010

    Leonor,

    depois destes dias de chuva e frio, um desses teus muffins vinha mesmo a calhar.
    Ficaram lindos, e adorei ver as sementes de papoila entre esse bege que nos faz água na boca :)
    O poema é lindo

    Beijinhos
    Ana Maria

  3. patrícia vilela em 7 Março, 2010

    Este poema arrasta-me em segundos para um passado muito simples e feliz! :D

    E estes muffins…huummmm!

  4. Ameixinha em 7 Março, 2010

    Adorei o burrico :) Este poema é muito visual!
    Esses muffins pintalgados de papoilas com o aroma de limão já fazem lembrar os campos primaveris que estão para vir :)

  5. Carla em 7 Março, 2010

    Leonor,
    Que delicia deve ser esse muffin! Pena que por aqui não temos a papoila…

    Bjs

    Carla

  6. Ana Paula Passos em 7 Março, 2010

    Mais uma vez uma bela ligação entre a literatura e a doçaria, ambas nos fazem muito felizes! De certeza que se Cesário Verde provasse estas iguarias, muitos outros pique-niques seriam “cantados” e “saboreados” e também muitas “Avé-Marias” seriam rezadas. Beijinhos e continue a dar-nos momentos como estes!

  7. Leonor de Sousa Bastos em 7 Março, 2010

    Ana,

    Fico tão feliz com o seu comentário!
    Não imagina os remorsos que tenho sentido por nunca mais lhe ter dito nada…
    Peço-lhe imensas desculpas pela minha falta e quero que saiba que o apoio que me tem dado, desde o início, é algo que nunca esquecerei.
    Vou agora mesmo responder-lhe por email!

    Um beijinho muito especial,

    Leonor

  8. Leonor de Sousa Bastos em 7 Março, 2010

    Uma cozinheira como a Carla bem que merece encontrar essas sementes de papoila…nem que seja pelo correio!
    Envie-me a sua morada por email… ;)

  9. argas em 7 Março, 2010

    Que muffins gulosos! Bem ao meu gosto!! bjinhos

  10. Babette em 7 Março, 2010

    Que coincidência tão engraçada!…
    Hoje de manhã fiz 12 muffins de limão com sementes de papoila para presentear os meus pais que amanhã celebram 35 anos de casados!…
    A receita não é exactamente a mesma, nem as fotos tão bonitas, confesso, mas achei graça à coincidência. Só espero agora não ficar com vergonha de publicar os meus….
    Um beijinho
    Babette

  11. Gasparzinha em 8 Março, 2010

    Um poema e um muffin, para uma tarde de Inverno. De Verão, ou de qualquer estação.

    Que lindos.

    Beijinhos.

  12. moranguita em 8 Março, 2010

    leonor esse muffins esta um espectculo
    pena nao ter aqui nhenhum para comer com o meu cha
    beijinhos

  13. Moira em 8 Março, 2010

    Leonor,
    Esse poema faz-me viajar até aos meus tempos do secundário em que as tardes de estudo se faziam acompanhar de reconfortantes bolinhos.
    Mais uma pequena maravilha da tua cozinha :)
    Beijinho
    Manuela

  14. conceicao em 8 Março, 2010

    A combinação é excelente.
    Bjs

  15. Maria João Vasconcelos em 8 Março, 2010

    Minha querida Leonor!!

    Nem sei bem o que diga, as imagens dizem tudo, tanto as que aqui vemos na forma destes magníficos Muffins, como as imagens que criamos na nossa mente com este maravilhoso poema! Não podia haver melhor ligação!
    Estes vou mesmo fazer, tem tudo o que gosto!! Aliás, já comia um!!

    Beijinho grande e obrigada por partilhares tão magnificas iguarias connosco
    MJV

  16. Flavinha em 8 Março, 2010

    Pena que eu não consigo comprar sementes de papoula! São proibidas por aqui…

    Lindos e certamente deliciosos!

    Beijinhos

  17. Luísa Alexandra em 8 Março, 2010

    Adoro bolos com sementes de papoila.
    As pintinhas pretas crocantes dão um ar muito elegante!
    Estão lindos os queques, beijinho!

  18. Léia Silva em 8 Março, 2010

    Oi linda
    Dei uma sumidinha, pois estava doente!
    Esta receita é do jeito que eu adoro, com um chazinho comeria uns 3!
    Bjim com karim
    Léia

  19. Carina em 8 Março, 2010

    Leonor,
    Mais uma vez poesia e receitas magníficas andam de mão dada!!!!
    Ficaram maravilhosos!!!!
    Vou ver se arranjo as sementes para os fazer!!!!

    Beijinhos :)

  20. Maria Isabel em 8 Março, 2010

    Parabéns, pelo nosso grande Dia!! Feliz Dia da Mulher…

  21. Lady_Bug em 8 Março, 2010

    Assim que vi a foto destes muffins pintalgados pensei para comigo: ‘sementes de papoila’! Fui a correr aos ingredientes confirmar, e lá estavam elas!
    Ainda há poucos dias fiz um bolo de limão com sementes de papoila que me deixou fascinada! Tenho absolutamente que experimentar estes muffins.

  22. Micas em 9 Março, 2010

    nhami!

  23. James Lewis em 9 Março, 2010

    Enquanto o piquenique decorre… ele pergunta-lhe:

    – queres uma flor?

    Ao que ela responde:

    – não. Quero um muffin de limão e sementes de papoila feito pela Leonor!

    Tens noção que podes gerar (doces) conflitos, difíceis de degustar ehehe :)… quando não se tem à mão mais uma obra prima da autoria da Leonor?

    :)

  24. Clara ML em 9 Março, 2010

    Para além do delicioso aspecto dos bolinhos o prato também é muito original!.Gostava no entanto, de lhe colocar uma dúvida.É importante usar os dois tipos de farinha?E quando se utiliza farinha com fermento, que é a que se encontra frequentemente nos supermercados, é necessário utilizar na mesma o femento químico?Um grande beijinho e muito obrigada…

  25. Leonor de Sousa Bastos em 9 Março, 2010

    Clara,

    A mistura de farinhas usa-se por uma questão de textura, seria para equilibrar a quantidade de amido e glúten. No entanto, pode usar apenas uma farinha de trigo corrente.
    Se utilizar farinha já com fermento, pode omitir o uso do fermento.

    Um beijinho,

    Leonor

  26. Glaucia Maria Gripp em 10 Março, 2010

    Ôba! Viva! que bom que voltou! aqui no Brasil estávamos morrendo de saudades de você…! todo dia esperando uma “jóia” sua em forma de
    doce… Obrigada por nos proporcionar apetitosas receitas e lindas fotos…!
    Glaucia

  27. maria em 11 Março, 2010

    Olá Leonor,

    Obrigada por nos brindares sempre com as tuas flagrante delicias:-)))

    Fiz os teus Mufins de limão e é mais uma delicia tua. Não ficaram tão bonitos como os teus!!!

    Obrigada e bem hajas

    maria

    sorrisomlm@gmail.com

  28. Patrícia (outra Patrícia) em 11 Março, 2010

    Olá Leonor,
    Quando o meu namorado começou a fazer “nom nom nom” ao ver as fotos, vi-me “obrigada” a fazer estes muffins. Uma verdadeira chatice ;)
    Como sou muito preguiçosa e não tinha exactamente todos os ingredientes necessários, utilizei um outro óleo vegetal neutro (em inglês chama-se “rapeseed oil”, não sei o nome em português) e iogurte grego em vez de iogurte normal. Também cortei um pouco nas sementes de papoila (usei umas 6 g, enfim é uma questão de gosto pessoal, não é?) e fiz em formas mais pequenas (mais uma vez porque não me apeteceu comprar formas de muffins grandes… hehe), pelo que cozeram em 10 min.
    Apenas uma enorme dose de autocontrolo me impede de comer uns quatro ou cinco de seguida (é que estão mornos e já lá vão dois… ai ai).
    Obrigada pela receita!
    Patrícia

  29. ZáZá em 11 Março, 2010

    Oh leonor eu estou a fazer dieta!!! As minhas papilas gustativas tentam soltar-se !!Até doí!! Má, Má, Má!!!!!:D (este poema tem uma versão musical catada pelo Pedro Barroso que também é muito bonita, e sim consigo ver estes maraaaaaavilhosoooooooooooos muffins no pic-nic.

  30. Kindin em 11 Março, 2010

    Muffins maravilhosos em dias de frio, que ficam sempre bem perto de um belo chá quente.
    As sementes de papoila são talvez a minha mais recente descoberta, que adorei e não mais vou largar. O crocante que deixa nos bolos é sublime.
    Nem por acaso, fiz este fim de semana uns queques de limão com estas sementes. Receita diferente mas de um sabor maravilhoso.
    Vou levar esta receita para me aventurar.

  31. Joana Capucho em 12 Março, 2010

    Olá Leonor,

    Uma nota só: acrescentaste o momento de colocar o iogurte na versão portuguesa mas não na inglesa. Agradeço que retires o meu comentário relativo á falta inicial, porque assim parece que sou a “tolinha” que n sabe ler receitas…

    Obrigada

  32. Leonor de Sousa Bastos em 12 Março, 2010

    Olá Joana,

    Infelizmente, nem sempre tenho tempo suficiente para responder rapidamente a todas as perguntas. Já não é a primeira vez que me esqueço de alguma coisa numa receita e, normalmente, a prioridade é corrigir a minha falha no texto para que seja claro para toda a gente . Apesar de tudo, já retirei o teu comentário para que ninguém fique a pensar o que quer que seja a teu respeito….

    Mal possa vou corrigir a versão inglesa…obrigada por me avisares!

    Obrigada,

    Leonor

  33. fátima antunes em 14 Março, 2010

    Não podia haver melhor acompanhamento para estes deliciosos muffins ….
    Beijinhos para vós.

  34. Ana Powell em 15 Março, 2010

    Fico sempre fascinada com o teu trabalho.
    Absolutamente delicado e as fotos são deliciantes x

  35. Maria João Vasconcelos em 21 Março, 2010

    Olá Leonor!! Pronta para o regresso??

    Só para te dizer que fiz estes muffins e são uma verdadeira DELICIA, MARAVILHOSOS, o equilibrio de sabores na boca é algo fabulástico!! Não segui a receita à risca, ou seja, o iogurte, usei o que tinha em casa, ou seja, iogurte grego natural e o açucar usei amarelo. Não tinham o mesmo aspecto que os teus, simplesmente porque usei umas formas mais pequenas, mas ainda bem, pois eu que não sou uma “louca” por doces tive que me controlar para não comer uns 3 ou 4 seguidos!!!

    Mais uma vez, obrigada pela partilha da receita
    BEM HAJAS
    Boa viagem
    BJKS
    MJV

  36. Rita em 22 Março, 2010

    Boa tarde,

    Este fim de semana fiz estes queques e ficaram divinais. A receita é óptima, fácil e o resultado fantástico.

    Parabéns!

  37. Rita S. em 14 Janeiro, 2011

    Acabei de fazer esta receita. Fácil de seguir e o resultado é fantástico. Os muffins ficaram com óptimo aspecto (mesmo como na fotografia!) e são super saborosos… leves e frescos, uma delícia!

    Obrigada pela partilha.

Comentar




    Translation



  • Últimos posts

  • Receitas por categoria

  • Arquivos