wordpress stat

Flagrante, do latim flagrante; ardente, evidente, praticado no próprio momento em que se é surpreendido.
Delícia, do latim delìcia; sensação agradável, prazer intenso, voluptuosidade.

flagrante delícia, é a delícia evidente, o prazer ardente, o doce que se come ou se acabou de comer.

Leonor de Sousa Bastos

Deixou o Curso de Direito, da Universidade Católica do Porto em 2006 e partiu para Palma de Maiorca, onde na Escola D’Hoteleria de les Illes Balears fez o curso de Cozinha (2006-2008) e completou uma pós graduação em Alta Cozinha (2008-2009). No final de 2009 fez um curso de pastelaria na escola Espai Sucre em Barcelona sob a orientação de Xano Saguer e Jordi Butrón, tendo passado ainda pelas cozinhas de Rafa Sanchez (Sheraton Arabella, Maiorca, 1 estrela Michelin) e Oriol Balaguer (Barcelona, MMAPE 93).

É autora do blogue Flagrante Delícia:
Criado em 2008, veio a ser o primeiro blogue em português dedicado à pastelaria. Conta já com mais de 12 milhões de visitas e várias referências em publicações nacionais e internacionais.

Livros:
“Flagrante Delícia”, da autoria de Leonor de Sousa Bastos, Objectiva, Lisboa, 2010 [Prémio LER, booktailors]

“A poesia é para comer”, da autoria de Ana Vidal, Babel, São Paulo, 2011, Lisboa, 2012

“Sabores e Saberes da Doçaria Portuguesa”, IEFP, Lisboa, 2012

“The New Pâtissiers”, da autoria de Olivier Dupon, Thames & Hudson, Londres, 2013

Publicações:
Para além de inúmeras referências em várias publicações (artigos, entrevistas e eventos gastronómicos), colabora regularmente com a revista “Comer“ e com a revista “CX“ (Caixa Geral de Depósitos).

contactar

    Translation





  • Últimos posts

  • Receitas por categoria

  • Arquivos